Frases


"Todos temos coisas na vida que valem a pena ser contadas, escritas. Mesmo que não para publicar, escreva-as para a família."Ilko Minev



domingo, 16 de janeiro de 2011

Game: GoldenEye 007


Como o tempo passa rápido! Lá se vai quase um mês sem nenhuma nova postagem por aqui. Nosso dia-a-dia às vezes é tão corrido, que devo dizer que mal vi esse tempo passar. Os últimos dias, entre a postagem anterior e esta, passei ainda imerso no livro do pequeno príncipe (um livro maravilhoso, leiam!), e enfim conclui minha análise da obra, mas isso já é assunto para outras postagens. Enfim, vou retomar falando de um tema um pouco diferente das últimas postagens, mas que também é uma de minhas áreas de interesse e, claro, lazer: games.

Já fiz algumas postagens sobre o tema, mas esta é a primeira sobre um jogo em específico. Esta é uma postagem dedicada aos fãs de videogames, em especial os que viveram a época tão boa que foi o lançamento deste jogo, há quase 14 anos, e se surpreenderam com sua qualidade. Um de meus jogos favoritos: GoldenEye 007, lançado originalmente para o Nintendo 64, em 1997, que se tornou célebre, sendo conhecido hoje como clássico absoluto e um precursor no gênero. Foi baseado no filme 007 contra GoldenEye (1995) e ajudou consideravelmente na divulgação do filme (e vice-versa!). Quem jogou, sabe do que estou falando =)

Em novembro do ano passado, saiu uma nova versão desse jogo, para o atual videogame da Nintendo, o Wii. Comprei o jogo um pouco depois do lançamento, mas constatei o que já tinha quase certeza: GoldenEye para Wii não carrega a atmosfera mágica e cativante do título original, embora tenha lá seus bons momentos. O jogo foi desenvolvido pela Eurocom, uma empresa que já tinha feito alguns jogos com James Bond, mas que sem dúvida atingiu seu ápice nesta produção. Contudo, era mesmo muito difícil se conseguissem superar (ou mesmo igualar) a magia única trazida pela Rareware, empresa responsável pelo título no Nintendo 64.

Uma das mudanças mais drásticas entre os dois títulos é a troca de Pierce Brosnan por Daniel Craig, como James Bond, além de leves modificações no desenrolar da história, que continua seguindo a trama do filme. O modo multiplayer, famoso e cativante no original, por permitir memoráveis partidas de até 4 jogadores simultâneos, está de volta e dessa vez até com suporte online (embora um pouco decepcionante). Para finalizar, mostro a introdução do novo jogo, que é um dos destaques deste. A música tema, cantada no filme por Tina Turner, foi especialmente regravada por Nicole Scherzinger:

(Assista em 720P)




No GoldenEye 007 de 1997, não tínhamos uma abertura como essa (devido às limitações do sistema), mas ela bem que tinha lá seu charme:





Para os fãs do jogo, como eu, um último vídeo, que mostra algumas similaridades entre os dois jogos:





Enfim, o novo GoldenEye 007 é um bom jogo, mas não deve ser comparado ao clássico de 1997, que fez história e virou referência a quase todos os jogos de tiro posteriores. Infelizmente, a versão do Wii não traz nenhuma grande novidade, e apenas se firma nas bases de outro jogo de sucesso recente, a série Call of Duty, o que o faz um título agradável, mas não deslumbrante. Está sendo legal jogá-lo, e aposto que todos que jogaram o original irão gostar (depois de se acostumar à nova jogabilidade, claro), porém, mais uma vez, não esperem ver um GoldenEye como o de 1997. Sob certos pontos de vista, é praticamente outro jogo.

O fato é que foi feito muito alarde em cima do lançamento desta nova versão (com as inevitáveis comparações com a antiga), e, exatamente por isso, era de se desconfiar que o produto final poderia decepcionar um pouco (creio que a pressa para lançar logo o jogo acabou comprometendo alguns pontos). Mas o melhor de toda essa falação é ver também o jogo antigo de volta aos holofotes, e como nos lembramos dele ao passar por eventos e situações similares na versão do Wii.

No final das contas, GoldenEye 007 é um ótimo jogo de Wii, mas sempre é válido tirar a poeira do Nintendo 64, e relembrar aquele que ainda se mantém como um dos melhores jogos já criados. Eu ainda jogo sempre que posso :D

Nenhum comentário:

Postar um comentário