Frases


"Todos temos coisas na vida que valem a pena ser contadas, escritas. Mesmo que não para publicar, escreva-as para a família."Ilko Minev



segunda-feira, 22 de fevereiro de 2010

De volta aos anos 80



Não há dúvidas de que hoje em dia o YouTube é uma fonte rápida e direta para termos acesso a milhares de conteúdos, sejam recentes, sejam de outros tempos.

Em uma de minhas visitas recentes ao site, encontrei este vídeo, que mostra aberturas de desenhos animados clássicos, e nos conduz a uma verdadeira viagem no tempo, de volta à decada de 80.

A infância de muitos certamente está presente nesses quase dez minutos de vídeo, e é um banho de nostalgia rever esse material nos dias de hoje. Quem não se lembra do Capitão Planeta? ou da Punky? E a abertura original de Caverna do Dragão? esta praticamente não foi exibida pelas emissoras brasileiras.

É claro que os desenhos clássicos vão bem além dos mostrados no vídeo, mas com certeza dá para matar as saudades de uma época tão boa.

Sem mais delongas, o vídeo:




Bons tempos, não? Mas após assistir, pode-se chegar a uma conclusão:

Atualmente não se faz mais nada parecido, muito pelo contrário. De uma época de ouro dos desenhos animados chegamos aos dias de hoje, onde ligamos a TV e temos que aturar desenhos como Ben 10 e similares, de baixíssima qualidade, apelativos e sem qualquer conteúdo. São poucas as produções atuais que ainda conseguem cativar com um algo a mais. Se continuar nesse projeção, o que será dos desenhos animados daqui a uns 5, 10 ou mais anos?

Saudades...

2 comentários:

  1. Nossa, outro post seu que amei. Sou fã de carteirinha dos desenhos animados da década de 70/80. Hoje, só fazem desenho com excesso de violência, ou de " diálogos e tiradas inteligentes/ políticas".
    " Diálogos e tiradas sarcátiscas, com contexto político e inteligentes??"
    ué, o público alvo não deveria ser o infantil??? crianças de 5 a 12 anos?? tiradas desse nivel em desenhos PRA QUE??? RSRSRRSSR
    beijos!!! ;)

    ResponderExcluir
  2. Pois é, essa época foi mesmo única! Hoje não se tem mais nada parecido, e nem mesmo se tem respeito pelo público nas produções atuais. Ainda bem que pelo menos temos o YouTube para rever sempre esses clássicos!

    Beijos!

    ResponderExcluir