Frases


"Todos temos coisas na vida que valem a pena ser contadas, escritas. Mesmo que não para publicar, escreva-as para a família."Ilko Minev



sexta-feira, 5 de março de 2010

O mundo mágico de Art Clokey - (I)


Voltemos a falar de animação, precisamente em um dos grandes nomes do stop-motion. Art Clokey foi um dos pioneiros na popularização desta técnica de animação, tão comum atualmente.

Seus trabalhos na área começaram em 1955, com a produção de curtas experimentais utilizando massa de modelar como ferramenta. Daí nasceu seu primeiro curta, o surpreendente Gumbasia, seguido dos não menos impactantes Mandala e The Clay Peacock. Todos visualmente únicos e extremamente criativos. Curiosidade: o nome Gumbasia é uma homenagem ao igualmente impressionante Fantasia, de Walt Disney.

O aclamado Gumbasia:



De Gumbasia, veio a ideia para algo maior. A mistura de cores, formas e emoções presentes neste curta chamou tanto a atenção na época que Clokey foi incentivado a criar personagens para evoluir suas técnicas. Foi ainda patrocinado para a produção de um piloto de uma série: The Gumby Show, onde entrava em cena sua maior criação, o personagem Gumby:



O nome Gumby provém de sua infância, quando ia à fazenda de seu avô e adorava brincar com uma mistura de argila e lama conhecida como "gumbo". A ideia do personagem foi da esposa de Clokey, Ruth, que sugeriu sua criação com base no famoso biscoito de gengibre, que usualmente é feito na forma de pequenos "homenzinhos".

Esteticamente, o personagem parece não ter muita proporção, mas há razões práticas para suas pernas e pés serem visivelmente mais largos do que as mãos e braços: garantir uma boa base para que o personagem ficasse em pé durante as filmagens em stop-motion. Clokey lhe deu a cor verde por ser a sua favorita. O formato peculiar de sua cabeça também é inspirado em sua vida; seu pai usava um corte de cabelo similar.

The Gumby Show teve seu início em 1956, permanecendo até 1967, ao longo de mais de 130 episódios. Além de Gumby, personagens como o animado Pokey, um pônei falante (cuja voz muitas vezes era feita pelo próprio Art Clokey), e Prickle, um dragão que se porta como detetive, além de vários outros, compõe o elenco de personagens.

Personagens carismáticos, enredos simples mas bem elaborados e a incrível técnica de animação tornaram a série um clássico da animação. Veja abaixo imagens históricas:





Ao fundo, foto do pai de Art Clokey, que lhe inspirou um dos detalhes característicos de Gumby.







Em 1955, Clokey iniciava a produção do The Gumby Show. Aqui ele posiciona estruturas e personagens em um dos primeiros episódios.



Aguardem nas postagens seguintes a próxima parte deste passeio pelo mundo criado por Art Clokey =)

Nenhum comentário:

Postar um comentário